A Livraria das Obras Inéditas


Ester [livros históricos]
04/04/2008, 4:30 am
Filed under: A Bíblia dos céticos

Quando ele levanta tão repentinamente da cama, ainda que seja para algo inadiável como um mijo ou a fabricação de nova urina pela ingestão de cerveja, é como se eu tivesse sido jogada na cama tal qual vim ao mundo. Sou incapaz de encontrar minhas roupas, meu cabelo, minhas meias e minhas pulseiras. Ele tem lá certa comiseração e me lê um poema seu. Até minha prosa rima mais que seus versos. Não que isso os desqualifique, mas deixa em mim a impressão que ele não sabe dançar. E isso me incomoda porque nua ali naquela cama imensa não sei o que sou, meu desejo não é capaz de justificar aquele instante. Então enquanto ele trabalha em seu projeto eu desfilo nua, falsa despretensiosa pelo pequeno quarto. E nada… Corro então para este diário e escrevo para me responder o que se pode fazer com um homem que não dança. A pergunta é a resposta, eu acho. Mas minha garganta dói, não há como engolir. A chuva cai do céu e as gotas em fila se jogam na janela do meu amor. Difícil imaginar Deus como uma lavadeira de roupas gorda torcendo nuvens carregadas para que elas possam flutuar. Água suja. A chuva nada pode lavar, a espuma e o sabão ficam todos lá no céu.

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: