A Livraria das Obras Inéditas


Mesmo Sem Nós (MSN)
12/04/2011, 8:36 pm
Filed under: Poesias

O amor de um porto alegre
Rala o joelho do dedo fazendo almoço
E diz que o braço do violão parece uma torre
de transmissão
de não sei o que…

Você é meu amigo
Meus hiatos de dia a dia,
Violador de realidade,
Velho baiano,
Recheio de tardes vazias.

O amor de uma tela colorida
Faz um aquário da sua cozinha
E garante que o seu abraço
vai segurar um oceano
litros e litros de alegria.

Domingo vamos ficar em casa
e você vai provocar ciúmes
das coisas que não vivo
Só pra me ver brava e dizer
que bonitinho o bico que você fez.

Anúncios
Comentários Desativados em Mesmo Sem Nós (MSN)





Os comentários estão fechados.



%d bloggers like this: